Da série comendo na região central de São Paulo eu tenho algumas poucas e boas para me recordar. Lembranças de um “erro” que às vezes eu esqueço e acabo cometendo novamente.

E foi justamente o que aconteceu ontem. Estava lá eu, próximo do Centro Cultural de São Paulo, era hora do almoço. Hora de uma pausa. E o que eu fiz? Corri para um daqueles restaurantes para saciar esse “instinto de aventura alimentar” que me consome. Almocei! Hummmm…

Cheguei meio esperto. Olhei bem os pratos – era self service – e escolhi somente verduras e legumes, com um arroz de acompanhamento. Acreditava que a chance de padecer de algum mal futuro seria menor. Achava eu. Porém, a dificuldade digestiva se apresentou logo que eu coloquei os pés na rua. Pensei: Não devia ter comido aqui! Mas já era tarde.

Passei uma tarde daquelas. Com um gosto que ia e voltava. Alternando bons e maus momentos. Algo que eu apelidei de comida com gosto marcante. Resumindo: vou evitar riscos na hora de comer por lá. Vou escolher melhor, ou sei lá. De repente tomo uma vitamina somente.

Isso é o que eu estou pensando hoje, um dia após o incidente. Espero que a consciência pernamenaça em minha mente. Livrando-me de aventuras desse tipo por um bom e duradouro tempo.

Obs: Eu sei que a região central não é formada somente por restaurantes de qualidade duvidosa. Porém, esse é o meu relato.

Anúncios