Hoje é o dia de Corpus Christi, ou seja, além de ser uma data religiosa, hoje também é feriado. Ah, e como eu adoro os feriados.

Sim. Eu adoro todos eles, e não faço distinção de nenhum. Apenas peço que o mesmo cai em um dia útil da semana, e não no domingo. De preferência em uma sexta-feira. Afinal, o feriado deve ser sentido e aproveitado em toda a sua plenitude e magnitude.

Acredito que este papo que dizem por aí que feriado é coisa de vagabundo, e que feriado demais atrapalha a economia do país só pode ter saído da boca de alguém que costuma passar estas datas em alguma praia paradisíaca do mundo. Bebendo uma água de coco bem gelada para em um exercício de extrema dificuldade lembrar-se das pessoas que podem estar trabalhando nestes dias. Típico de uma pessoa que não tem o que fazer.

Sabe, o que eu mais gosto de fazer no feriado não é viajar. O que eu mais gosto de fazer é me vingar do despertador. E não que eu seja um cara vingativo, mas eu adoro ouvir ele tocar aquela música de filme de terror no feriado, exatamente no mesmo horário em que ele sempre me acorda todos os dias. Nem mais e nem menos! Nestas horas eu adoro poder olhar para ele e dizer: “Hoje não, sinto muito. Passa amanhã”.

Você pode até achar que eu sou meio maluco ou masoquista, uma vez que eu deixo o meu despertador tocar no feriado. Mas só que eu te digo que eu não sou não. É que o prazer de não obedecer o despertador nestes dias de feriado para logo em seguida voltar a dormir e sonhar é algo indescritível para mim. Já vale a data.

Hummm… e hoje é feriado.

Anúncios